Total de visualizações de página

Seguidores

Quem sou eu

Minha foto
Historiador Criador e Presidente do Jornal Delfos-CE, (2007). Criador da Associação Cultural SEMPRE- (2008). Criador e Idealizador do 1° Arquivo Público do Interior do Nordeste (2009). 2° e 4° lugares,consecutivamente, no 1° e 2° concursos de poesia da comunidade do Orkut "Vamos Escrever um livro?"(2009 e 2010). Criador da exposição histórica: "PACOTY: UMA HISTÓRIA EM DOCUMENTOS", aprovado pelo Banco do Nordeste(2010). Formado em Licenciatura Plena em História (2010). Sócio do Instituto Desenvolver (2011). Trabalhou para o Governo do Estado do Ceará como pesquisador no Porto do Pecém (2011). Ministrou aulas de História, Geografia, Arte e Religião em Pacoti e em Guaramiranga (de 2008 a 2015 no Colégio São Luís, na Escola Menezes Pimentel e na Escola Linha da Serra). 2° Lugar em concurso de pensamento na comunidade "Grupo de Poesia" no Facebook (2012). Participa como um dos autores dos e-books "Por onde andei?", "Quem sou?" e realizado pelo Balcão de Poemas, edição de Wasil Sacharuck. Recebeu a comenda Domitila de Honra ao Mérito (2016) Conclui Pós-Graduação em Gestão Escolar (2016). Selecionado para o Prêmio CNNP- Concurso Nacional Novos Poetas (2016).

domingo, 19 de outubro de 2008

SE

Se o rei fosse o curinga
Poderíamos desmascarar a graça da existência?
Se o império pertencesse ao trovador
As canções de amor dominariam os continentes?
Se em vez de cantar as mazelas do mundo
Eu almejasse a beleza nos olhos de Aline
E me rendesse às nereides tentadoras
Será que isso me bastaria?
Se os gladiadores dominassem todas as armas
Na política só tivessem boêmios
Todas as questões diplomáticas
Seriam resolvidas no punho da espada?
Se eu não fosse ateu
Só neste ano aceitaria a Teoria da Evolução?
Mas se a vida fosse um teatro escrito
Num poema Drummondiano
Interpretado por Paulo Autran
Quem sabe houvesse razão
No poder in natura
E uma última flor amarela germinaria
No jardim dos intelectuais
E um sorriso de moça
Regeria o universo
Ninguém, careceria de meus versos
Para ser feliz

AROLDO FILHO
12h e 5 min
19/10/2008

Nenhum comentário: